Buscar

Como empreender no ramo de alimentação caseira para pets?



O setor pet está em ascensão e o Brasil possui o segundo maior mercado do mundo, há várias vertentes dentro desse universo e hoje vamos falar como você pode investir no ramo de Alimentação Caseira, conhecida popularmente como Alimentação Natural (AN).


A Dieta Caseira é composta por alimentos naturais que passam por tratamento de temperatura ou cozimento e são minimamente processados. Muitas pessoas optam por oferecer esse tipo de alimento para seus pets por preferência ou há animais que por alguma doença por exemplo necessitam de uma alimentação formulada individualmente.


Se você tem interesse em investir nessa área, saiba que existem legislações e condutas que devem ser seguidas, aqui vamos trazer um panorama geral.


O órgão responsável por esse segmento é o MAPA (Ministério da Agricultura, Pecuária e abastecimento) a partir dele que devem ser seguidas legislações e condutas.


Para a abertura é necessário ter :

  • CNPJ ou registro de MEI

  • Inscrição estadual

  • Autorização dos órgãos municipais para a produção

  • Alvará de funcionamento do estabelecimento

  • Local com equipamentos apropriados para a produção

  • Responsável técnico que irá elaborar o registro da responsabilidade técnica e empresa no conselho

  • Receitas elaboradas por um profissional capacitado (Médico Veterinário ou Zootecnista)

  • Escolha de fornecedores, tanto para alimento de qualidade quanto para embalagens

Quais as legislações que regem esse segmento:


  • IN Nº 30 05/08/2009: Para o produto

  • IN Nº 15 26/05/2009: Rotulagem

  • IN Nº 51 /2020: Formulação e demais documentos

  • IN Nº4 23/02/2007: Adequação da cozinha

  • Portaria 196/2021: Isenta cozinhas que produzem alimentos caseiros classificados com risco I de registro no SIPEAGRO.


Tem interesse no mercado de alimentação natural para pets? Entre em contato conosco!